É com grande satisfação e orgulho que a Direção do Campus da UFC em Quixadá parabeniza Adriano Alves Dodó, segundo egresso do Campus Quixadá a concluir mestrado, pela aprovação de sua dissertação de mestrado intitulada “On Rich Modal Logics”, pelo Programa de Pós-Graduação em Sistemas e Computação da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (PPGSC/UFRN).

A comissão examinadora foi composta pelos seguintes professores doutores: João Marcos de Almeida - UFRN (presidente), Benjamin Rene Callejas Bedregal – UFRN (membro interno), Cláudia Nalon – UnB (membro externo à Instituição) e Elaine Gouveia Pimentel - UFMG (membro externo à Instituição).

Adriano Dodó é aluno egresso da primeira turma (2007.2) do Curso de Sistemas de Informação, que obteve a oitava maior nota (4,53) do Brasil dentre 339 cursos avaliados pelo MEC em 2012.

Nossos sinceros votos de sucesso em sua jornada profissional!

Prof. Dr. Davi Romero de Vasconcelos

Diretor do Campus da UFC em Quixadá

Profa. Dra. Andréia Libório Sampaio

Vice-Diretora do Campus da UFC em Quixadá

Leia mais...

 

O Campus Quixadá realizou ontem, dia 13/11, o Seminário de Pesquisa com o tema “Oportunidade em Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação no Campus de Quixadá”. O evento teve como objetivo aproximar a academia da indústria de Tecnologia da Informação, potencializando projetos de PD&I, oportunizar uma maior participação de estudantes nos projetos e investimentos no município de Quixadá.

A programação contou com apresentações dos seguintes Grupos de Pesquisa do Campus:

 

  • Banco de Dados, Professora Ticiana Linhares;
  • Computação Móvel e Ubíqua, professor Márcio Maia;
  • Pesquisa Operacional, Professor Fábio Dias;
  • Computação Gráfica e Animação, Rubens Nunes;
  • Métodos e Técnicas de Engenharia de Software, professor Camilo Camilo Almendra;
  • Sistemas Multiagentes, professor Enyo Tavares;
  • Redes Definidas por Software, professor Jeandro Mesquita;
  • Sistemas Embarcados, professor Arthur de Castro Callado

O seminário contou com a apresentação do perfil e dos principais “gargalos” em PD&I das seguintes empresas de TIC: iFactory (Henrique Andrade), Polibrasnet (Christian Lopes), Sagarana Tecnologia (Regis Melo) e Veica/Grupo Fortes (Rafael Nunes).

 

Fonte:

Prof. Davi Romero de Vasconcelos

Diretor do Campus da UFC em Quixadá

A palestra acontecerá dia: 14/11/2013 (quinta-feira)
Horário: de 13:30 às 15:30h
Local: Bloco 1, Sala 2
Inscrições: por ordem de chegada (valerá como atividade complementar)

Resumo: O modelo de programação por atores já foi muito estudado nas universidades, tanto a nível teórico, bem como em linguagens como D e E. A linguagem Erlang, especificamente dedicada à programação com atores, continua sendo a implementação de referência desse modelo. Apenas nos últimos anos, a utilização de atores em projetos mais variados vem sido facilitada por frameworks disponíveis para linguagens genéricas de ampla difusão, como Java, Python, F# ou Scala. Também serão apresentados conceitos ligados como “Futures and Promises”, “Command-Query Responsibility Segregation”, “Event Sourcing” e algumas dicas como “Don’t Push”.

Palestrante: Alain F. Béarez  http://cua.li/Alain-Bearez.html

Depois do doutorado em Ciência da Computação na França trabalhando em projetos para depuração de aplicações paralelas com um modelo procedural distribuído, morou 4 anos em Amsterdam onde trabalhou 2 anos no CWI fazendo pós-doutorado e 2 anos trabalhando na NetlinQ, agência Web, como desenvolvedor Java. Em seguida voltou para a França trabalhando 3 anos como desenvolvedor e 2 anos como formador, ministrando cursos: Java, UML, XML, JSP, Struts, EJB. Depois foi morar em Barcelona ficando 1 ano e meio para implementar práticas de melhoria dos códigos na Everis. Em Fortaleza, trabalhou três anos na área de desenvolvimento para clientes off-shore. Durante dois anos ficou responsável pela nova arquitetura de tratamento das informações de geolocalização dos ônibus para a empresa M2M Solutions. Atualmente continua brincando com os desafios da computação distribuída com atores.

Fonte: Prof. Camilo Almendra.